Escolas e Biblioteca Municipal recebem o livro ‘A história da cidade de Pedreira – Nascimento, Evolução e relatos de uma cidade empreendedora’ de Edgardo Luis Steula

‘A história da cidade de Pedreira – Nascimento, Evolução e Relatos de uma cidade empreendedora’, livro de autoria de Edgardo Luis Steula, foi entregue pelo seu filho Sérgio Steula, as diretoras, coordenadoras e representantes das escolas municipais e estaduais, além da Biblioteca Pública, durante solenidade realizada no Paço Municipal contando com as presenças do prefeito Hamilton Bernardes Junior, vice-prefeito Fábio Polidoro e secretária de Educação Mariângela Rodrigues.

“É com muito orgulho que repasso exemplares do livro de meu pai, que se dedicou durante 13 anos à pesquisa de dados, levantamento de documentos e registros de fatos da história da cidade e de seu povo”, destacou na ocasião Sérgio Steula.

O livro é composto de 12 capítulos, abordando a história da cidade desde a fase pré-emancipação e também contempla as dificuldades e desafios que surgiram com a emancipação, posto que a independência de Pedreira resultou na necessidade de se criar renda no município e dotar a cidade de estruturas até então inexistentes. Não há como deixar de se emocionar com a determinação e a luta do Tenente-Coronel João Pedro de Godoy Moreira pela emancipação, que lutou por providências, reivindicou e doou parte de seu patrimônio para a construção da infraestrutura mínima para o surgimento de nossa cidade.

“Cada unidade escolar de Pedreira, seja municipal ou estadual, estão recebendo um exemplar do livro e a Biblioteca Pública possuirá 8 exemplares para disponibilizar a população”, informou a secretária Mariângela Rodrigues.

A ‘Era da Porcelana’ é registrada em um capítulo específico, com o surgimento das fábricas de cerâmica e louça, trazendo riqueza e prosperidade. O livro ainda trata da migração italiana, abordando seus costumes e tudo de bom que ela trouxe para o município. A saga dos pracinhas pedreirenses também foi relatada no livro, contando inclusive com relatos das famílias e registros do autor, que foi conterrâneo e teve contato com a maioria deles. Um capítulo inteiro é dedicado à idealização, construção e também às crises pelas quais passou o Hospital Humberto Piva.

Pedreira atualmente é conhecida nacionalmente pelo turismo comercial, mas esse turismo não nasceu por acaso: foi induzido pela administração do saudoso prefeito Hygino Amadeu Belllix que, sendo um visionário, investiu em obras que tornaram Pedreira uma atração para seus visitantes. As lojas de venda de adornos vieram em seguida, no rastro de obras como a urbanização do Morro do Cristo, construção do Teleférico, colocação do avião no Morro do Cristo, implantação do Museu, construção da marginal, dentre outras. A criação da FIP – Feira Industrial de Pedreira, que inicialmente era coordenada pela Prefeitura, deu um forte impulso ao turismo comercial.

Há um capítulo que relaciona os intendentes, prefeitos e vereadores da cidade e um outro capítulo com um registro cronológico de fatos importantes. Dois outros maravilhosos capítulos tratam de símbolos e tradições da cidade e também das principais entidades e organizações de Pedreira, alguma delas já extintas, mas que marcaram época.

Para o prefeito Hamilton Bernardes Junior, um dos incentivadores do autor Edgardo Steula, o livro é de extrema importância, pois registra a história de Pedreira com muitos detalhes. “Este é um momento muito especial, pois com a doação as escolas estarão disponibilizando o exemplar para pesquisa dos alunos e os professores também poderão desenvolver atividades especiais com as crianças”, enfatizou Hamilton Bernardes.

O livro encontra-se à venda no Escritório da APAE de Pedreira pelo valor de R$ 100,00 sendo que toda a receita da venda é destinada a esta importante entidade assistencial que foi fundada e presidida durante 2 mandatos pelo autor do livro.

Compartilhar

ACESSIBILIDADE

Para navegação via teclado, utilize a combinação de teclas: Alt + [ de atalho]

Atalhos de navegação:

Tamanho da Fonte/Contraste
Por Favor, aguarde...